7 Dicas | Torne a sua casa mais Senior Cat Friendly

À medida que os nossos gatos vão ficando mais velhos, há algumas coisas que podemos fazer para tornar o seu dia-a-dia mais fácil e agradável.

Deixamos 7 dicas para tornar a nossa casa mais Senior Cat Friendly:

1. Usar rampas, degraus e bancos
As suas articulações e a maior dificuldade em se movimentar e saltar, podem impedir o gato senior de subir para a cama do dono ou para janela onde gosta de observar a rua, por exemplo. Podemos tornar os seus lugares preferidos acessíveis adicionando rampas, degraus ou bancos. Um banco ou cadeira estrategicamente colocado junto à cama do dono ou janela pode ajudar o gato senior a recuperar a confiança.

2. Mais tabuleiros de higiene
Os gatos vão envelhecendo e podem perder algum controlo sobre a sua bexiga, o que juntamente com menos mobilidade, pode levar a “acidentes” fora do tabuleiro de higiene. Se a casa for grande ou com vários pisos, o ideal é adicionar mais alguns tabuleiros, para haver sempre um por perto.

3. Pode ser necessário mudar de arranhador
Um arranhador horizontal pode ser o mais adequado, porque um arranhador vertical exige que o gato esteja numa posição em que se apoia nas patas traseiras para arranhar.

4. Ter uma luz de presença ligada durante a noite
Os donos de gatos sabem que estes gostam de dormir durante o dia e de explorar e caçar durante a noite. À medida que o gato envelhece, a sua visão  pode começar a ficar mais fraca. Uma luz de presença pode ajudar na sua segurança e confiança, quando a sua visão já não for tão nítida quanto costumava ser.

5. Crie um espaço mais calmo e silencioso
Os gatos usam os seus sentidos de visão, audição e olfato para determinar se um ambiente é seguro. Quando os seus sentidos ficam menos apurados, um gato senior em um ambiente barulhento ou com muitas pessoas pode sentir-se ansioso ou nervoso. O mesmo acontece em casas com animais mais jovens e crianças pequenas.
Escolha um local mais tranquilo e com pouco movimento de pessoas. Certifique-se que o gato tem acesso ao essencial – comida, água fresca e tabuleiro de higiene – sem ter de se afastar muito do seu “espaço seguro”.

6. Proporcionar-lhe mais cuidados
A partir dos 7 anos é ainda mais importante manter as consultas anuais de check up, para verificar se tudo está bem. Existem clínicas veterinárias que têm planos de saúde adequados a esta fase do gato. Também é necessário adequar a sua dieta, pois com a idade tende a ficar mais sedentário.

7. Ajuda com o grooming
Um gato senior é menos flexível e vai ter mais dificuldade em fazer o seu grooming e chegar a todos os sítilos, e sabemos o quanto é importante para o gato esta rotina de higiene. O dono deve ajudar escovando o pelo, para retirar o pelo morto e os nós, mantendo a pelagem mais limpa e arejada.

E, mais importante, mimos, muitos mimos!
Desfrute desta fase com o seu gato senior.